Cibersegurança

Polícia espanhola prende gangue que distribuía malware brasileiro

Legenda: Guarda Civil espanhola. Foto: Governo da Espanha A Guarda Civil espanhola anunciou nesta quarta-feira, 14, que desmontou um grupo especializado em fraudes financeiras pela Internet ao prender 16 pessoas ligadas às operações dos trojans bancários Grandoreiro e Melcoz - malware brasileiros para roubar o Internet Banking. Ao total, a polícia bloqueou operações financeiras que somam 3,5 milhões de euros. Para os especialistas da Kaspersky que monitoram estes grupos, a operação é positiva, mas os bancos devem manter a vigilância, pois a ameaça não foi neutralizada. Em julho de 2020, os analistas de segurança da Kaspersky na América Latina anunciaram a internacionalização de quatro famílias de trojans brasileiros para o restante da região e outras partes do mundo, especialmente a

Leia mais